Home»FOTOGRAFIA»ERROS COMUNS PARA SE EVITAR NO SEU NEGÓCIO DE FOTOGRÁFIA

ERROS COMUNS PARA SE EVITAR NO SEU NEGÓCIO DE FOTOGRÁFIA

0
COMPARTILHAMENTOS
Pinterest Google+

Muita parte da nossa vida como fotógrafo é baseada na arte de se fotografar (como realmente deve ser), mas se você escolheu a fotografia como sua vida profissional, você também deve pensar no seu negócio.
Quando você está realizando uma transição de hobby para construir seu próprio negócio na área da fotografia, é muito importante tentar evitar erros comuns que o Amigo Fotógrafo vai te explicar direitinho neste post. Quer saber? Então vamos lá:
Não cobre tão pouco
Talvez esse seja um dos erros mais comuns na indústria da fotografia. Fotógrafos iniciantes, em particular, muitas vezes pensam que é uma boa ideia cobrar um preço muito baixo por seus serviços para atrair primeiros clientes. O problema disso é que ao cobrar muito pouco, você está diminuindo o seu valor profissional e também faz com que seja muito mais difícil o cliente aceitar valores maiores futuramente.
Não tem problema você ter diferentes valores para diferentes tipos de clientes ou diferentes tipos de trabalho (por exemplo, você pode cobrar mais de uma grande empresa e menos de um cliente individual), mas você precisa determinar quanto que uma sessão de fotos irá te custar e definir um valor que te gere lucro. E não se esqueça que você também deve ser pago pelo seu tempo de serviço. Quando você está fora realizando uma sessão de fotos, você não pode fazer nada além disso para obter dinheiro, então sempre coloque tempo como fator na sua equação.
Entenda os altos e baixos
Ser um profissional fotógrafo não necessariamente irá fazer com que você tenha trabalho nos 365 dias do ano. Tem um período natural do ano que o seu negócio talvez vá estar um pouco mais parado, e você precisa estar preparado para isso. É legal realizar uma pesquisa das épocas mais quentes para a região onde você mora, a grosso modo quando que as pessoas gastam mais dinheiro.
O segredo é conhecer bem o seu mercado e a sua área, e se planejar de acordo com isso. Tente conseguir a maior quantidade de jobs que você conseguir durante os períodos de alta, para que você tenha dinheiro salvo quando não tiver trabalho disponível nos períodos de baixa.
Faça a sua publicidade
Todos precisamos divulgar o nosso negócio, mas é muito importante escolher onde você quer divulgar. Faça uma boa pesquisa antes de investir em qualquer estratégia de divulgação. Pergunte aos seus amigos e família onde eles pesquisam por serviçoes parecidos, fale com outros fotógrafos e estudo ao máximo formas diferentes de divulgar o seu serviço de fotografia.
Quando você escolher o seu método e meio de publicidade, também é importante monitorar a eficiência disto. Eu sempre pergunto aos meus clientes por onde que eles chegaram até mim, dessa forma eu posso ter uma ideia de quais são os canais mais eficientes de divulgação.
Trabalhar de graça
Este tópico é uma discussão muito ampla no universo da fotografia, mas a dica valiosa que a gente dá para você, profissional, é: nunca trabalhe de graça e não ser que tenha um objetivo em ser voluntário!! Quando entrar nesse ramo da fotografia, não demorará muito tempo até alguém te pedir um serviço de graça, e te falar que você vai ter uma boa divulgação do seu trabalho.
A questão é que muitas vezes isso pode soar como um insulto ao fotógrafo e uma forma de desvalorizar o nosso trabalho árduo. Se você está administrando um negócio, você sempre deve ser pago pelo seu trabalho. E particulamente, essa promessa de “divulgação” muitas vezes nunca acontece.
Tenha um mobile-friendly websiteTodos nós fotógrafos sempre desejamos que as nossas imagens sejam vistas e avaliadas em telas full size em computadores com monitores grandes e de alta resolução. Mas temos que ser realistas e entender que no mundo digital de hoje tudo tem a ver com smartphones e tablets! Você precisa ter certeza que o seu website ou seu portfólio online funciona bem em aparelhos mobile e , se necessário, invista dinheiro para realizar um site especialmente para o mobile.
Mantenha o seu website simples, objetivo e focado nas suas imagens. Dessa forma, qualquer cliente acessando-o de qualquer dispositivo será capaz de ver o seu trabalho.
Busque sempre review dos seus clientes
Hoje em dia, muitas pessoas pesquisam por fotógrafos online. E, assim como qualquer tipo de negócio, o público em geral irá buscar pelos serviços com melhores avaliações de clientes anteriores. Sim, você precisa trabalhar muito boca a boca para ter boas impressões dos seus clientes, mas você também precisa que esse feddback positivo
seja visto na internet. Então se você tem uma página no facebook, ou um website para o seu negócio, é sempre legal pedir para que seus clientes escrevam um pequeno review sobre o seu serviço. Essa dica muitas vezes pode fazer com que você tenha um maior destaque no mercado, então fique de olho nisso!
E por último…. seja profissional Pode parecer simples, mas como você lida com seu cliente é extramamente importante. Você pode tirar as melhores fotos do mundo, mas se os seus clientes pensam que você é uma pessoa rude e mal-educada, é bem provável que eles não te procurem novamente.
Então só lembre essas pequenas coisas, seja educado e sempre tenha uma comunicação excelente com os seus clientes. Chegue na hora marcada quando for realizar uma sessão, retorne as ligações, aprensente as suas fotos profissionalmente e por ai vai. Você quer clientes que lembrem das suas fotos de maneira positiva, então sempre faça por onde!

Previous post

8 DICAS RÁPIDAS PARA FOTOS EM LONGA EXPOSIÇÃO

Next post

RING LIGHT PARA FOTOGRÁFIA ?? Richard Cheles MOSTRA COMO É POSSÍVEL USAR RING LIGHT PARA DIVERSAS PRODUÇÕES !!

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *