Home»FOTOGRAFIA»SIGLAS DO MUNDO DA FOTOGRAFIA

SIGLAS DO MUNDO DA FOTOGRAFIA

0
COMPARTILHAMENTOS
Pinterest Google+

O mundo da fotografia é composto por diversas siglas que, para quem não entende, parece uma sopa de letrinhas.

Hoje trouxemos a mais comuns e os seus significados:

🔸 AP: Prioridade de abertura (sigla do inglês Aperture Priority);

Essa opção permite que o fotógrafo priorize a abertura de campo, enquanto a câmera automaticamente ajusta a abertura do obturador, com o medidor interno, que mede as condições de iluminação e procura a melhor velocidade do obturado

🔸 AF: Auto Foco (Auto Focus);

Esse modo configura a lente da câmera para achar automaticamente um foco.
Foco único: Permite que a foto bloqueie o foco em um único assunto
Foco contínuo ou de rastreamento: Esse é o ideal para você que quer tirar fotos de um objeto que está em movimento, pois a câmera ajusta continuamente o foco. PEGAR OUTRAS SIGLAS

🔸 Auto: Automático;

Essa é fácil e bem conhecida, geralmente por um retângulo verde no seletor da câmera. Esse modo permite que a própria câmera ajuste todas as configurações (velocidade do obturador, abertura, foco, balanço de branco, ISO e medidor de luz. Massa não, é? Não!
Ao deixar o equipamento tomar essas decisões, você está correndo o risco de o resultado não sair como esperado. A câmera vai calcular tudo isso e fazer de forma técnica e a gente sabe que a fotografia precisa mais do que isso, não é?

Algumas câmeras ainda vêm com o modo automático programado para um tipo de assunto, a exemplo do modo “esporte”. Dependendo do modo escolhido, as configurações mudam de acordo com as necessidades de cada foto e cenário.

🔸 AWB: Balanço de Branco Automático;

Funciona para medir o balanço de branco na imagem. Atua corrigindo as cores necessárias e remove projeções de cores que possam comprometer sua fotografia.

Também pode ser ajustado na edição, se você utilizar o formato RAW.

🔸 DSLR: Câmera Digital Single-Lens Reflex;

É um modelo de câmera bastante popular, mas geralmente é mais conhecido pela sua abreviação.

A câmera DSLR tem suas especificidades e explicações, então vamos lá! Com um espelho, reflete a luz vinda da lente e direciona através de um prisma para o visor. É o funcionamento dessa ação que possibilita a projeção da imagem.

🔸 F-Stop ou F-Número: tamanho da abertura da lente;

O F-Stop ou F-Número é um termo que indica o tamanho da abertura em sua lente. Cada abertura é expressa como f-stop ou f/número como por exemplo f/8 ou f/2.

🔸 HDR: Alto Alcance Dinâmico (High Dynamic Range);

High Dynamic Range que em português significa “Alto Alcance Dinâmico“. É uma técnica fotográfica usada para balancear fotos com grande contraste ou sub/superexpostas quando algo é colocado em evidência.
Em termos técnicos, significa a quantidade de luz de diferentes intensidades que consegue ser gravada pelas lentes da câmera. Assim é possível captar muitas informações de luminosidade e sombras nas suas imagens.

🔸 ISO: sensibilidade do sensor da câmera (International Standards Organization);

ISO significa International Standards Organization. Na fotografia e filmes, a ISO era uma indicação de quão sensível um rolo de filme era para iluminar. Na fotografia digital, o ISO mede a sensibilidade relativa do sensor da câmera. Este valor pode ser ajustado na câmera.

Se você tem dúvidas sobre qual ISO é o melhor para suas imagens, veja esta matéria: Qual ISO Usar.
Quanto maior o número, mais luz o sensor pode capturar. No entanto, quanto maior a sensibilidade do filme ou sensor, mais granulada será a imagem (na fotografia digital é chamado de ruído).

Nota do editor: Não, não é tão simples assim, mas as pessoas que são novas na fotografia precisam dar pequenos passos para entender esses termos, então, por isso, simplificamos esta para ficar mais fácil de compreender.

🔸 JPEG (ou JPG): formato de arquivo de imagem (Joint Photographic Experts Group ~ nome do grupo que criou este formato);

É o formato do arquivo, ou seja, imagem. Junto com o RAW é um dos mais usados por quem fotografa. A sua desvantagem é que, por ser menor (raw) o arquivo é mais leve que o Raw, porque o segundo capta mais informações, perde qualidade, mas são mais fáceis de manusear e editar.

🔸 RAW: formato de imagem com qualidade excelente, mais conhecido pelos fotógrafos como negativo digital.

Também conhecido como “o negativo da fotografia digital”, esse formato permite a geração de energia elétrica, por causa da reação dos sensores fotossensíveis com a luz.

Por isso, diferentemente do JPEG, o RAW oferece uma uma imagem com mais detalhes e muito mais próxima da visão humana. Assim, tem uma qualidade muito maior.

Obviamente, estas são somente algumas das siglas do mundo da fotografia. Existem muitas outras! Você conhece alguma que não esteja aqui? Conta pra gente! 💬

 

Previous post

Motivos para amar as câmeras instantâneas

Next post

Homem-Aranha 3 torna-se a 2ª maior estreia da história do cinema